Prioridades

O Ensino de Graduação de qualidade articulado com a Pesquisa, Extensão e a Responsabilidade Social.

Metas

Expandir as oportunidades de acesso à Educação Superior na Região Noroeste do Ceará.

Organograma

Conheça a organização hierárquica entre os setores e departamentos da Faculdades INTA

 

Missão

A Faculdade Alencarina de Sobral – FAL tem como Missão realizar atividades de Ensino, Pesquisa, Extensão e Responsabilidade Social de forma a preservar, produzir, sistematizar e difundir as ideias e os conhecimentos filosóficos, científicos, culturais e tecnológicos, ampliando a formação integral do ser humano para o exercício profissional, visando ao desenvolvimento local, regional e nacional, na perspectiva da construção de uma sociedade mais justa e democrática.

Visão de Futuro

Promover a formação de pessoas e a construção de conhecimentos e competências científicas articuladas ao mundo do trabalho, segundo princípios sociais éticos.

Valores

  • Igualdade
  • Liberdade
  • Democracia
  • Solidariedade
  • Respeito aos Direitos Humanos
  • Educação Integral
  • Proteção ao Meio Ambiente

Histórico

A Faculdade Alencarina de Sobral – FAL é uma Instituição de Ensino Superior isolada, privada, particular em sentido estrito, com fins lucrativos, com limite territorial de atuação circunscrito ao município de Sobral, Estado do Ceará, situada a Rua Dr. Arimatéia Monte e Silva, 315, Campos Velhos, Sobral – CE criada em 04 de abril de 2011, mantida pelo Instituto de Educação Superior e Pesquisa do Ceará Ltda. – IESC, Sociedade Empresária Ltda., com sede e foro no município de Sobral, Estado do Ceará, com CNPJ sob o nº 05.313.525/0001-09, registrado na Junta Comercial do Estado do Ceará – JUCEC em 16 de setembro de 2002.

A Faculdade Alencarina de Sobral, sediada na cidade de Sobral, Estado do Ceará, de aproximadamente 188.233 (IBGE 2010) habitantes, é um estabelecimento isolado de Ensino Superior. Compreende a Região Noroeste do Estado do Ceará. A sua área de abrangência estende-se também pelo Estado do Piauí, destacando-se a cidade de Parnaíba com 145.705 (IBGE 2010) habitantes e a cidade de Piripiri com 61.834 habitantes (IBGE 2010). A Faculdade Alencarina de Sobral tem como finalidade oferecer atividades de Ensino, Pesquisa e Extensão à comunidade, mediante cursos e prestação de serviços. Veículo de interiorização do Ensino Superior, a FAL define suas prioridades acadêmicas em função das realidades e problemas identificados pela comunidade local. Dentre esses problemas, evidenciava-se poucas instituições de Ensino Superior no Vale do Acaraú́ e, consequentemente, a emigração de uma parcela significativa de jovens para cursar o Ensino Superior fora da sua região de origem e, mais preocupante ainda, a não continuidade do processo educacional de grande parcela dos concluintes do ensino médio, atualmente estimada em mais de 6.778 alunos que não tiveram acesso a esse grau de ensino em nível local ou em outras instituições congêneres. Com a criação dos Cursos de Administração e de Serviço Social, a FAL pretende, cada vez mais, assumir seu papel de polo acadêmico e cultural, contribuindo através da formação profissional de gerações que formarão a base do desenvolvimento econômico e social dessa região decidida a sair de sua marginalidade econômica.

A Faculdade tem clareza do seu papel na sociedade do novo milênio, cuja evolução tecnológica e desafios exigem profissionais qualificados para agir e posicionar- se frente às constantes transformações do mundo globalizado. Com essa percepção a Faculdade Alencarina de Sobral – FAL reforça a sua ação alicerçando-se em princípios técnicos e humanísticos, por entender que o homem, profissional, é um ser racional e agente de mudanças numa realidade sócio-histórica, num contexto concreto e mutável.

Nesse contexto estão presentes estratégias de poder, interesses econômicos e projetos sociais com os quais o profissional se relacionará. Perceber essa adversidade de interesses e atuar nessa realidade exige uma formação científica, técnica e ética que se consolida pelo debate respaldado em conhecimentos teóricos e práticos, numa dimensão política.

Isto posto, justifica-se a criação da Faculdade Alencarina de Sobral – FAL, assim como os Cursos propostos.

Reafirmamos, neste projeto, que a Faculdade Alencarina de Sobral – FAL, ao cumprir uma função significativa no contexto social em que se situa, atuando como agente de difusão do conhecimento mais elaborado, comprometida com os interesses e necessidades da região e com a sociedade de modo geral, continuará a assumir o princípio da autonomia universitária, o que lhe permite desenvolver junto à comunidade acadêmica espaços de livre pensar, criticar e propor alternativas de encaminhamento de estudos, discussões e ou de propostas de intervenção na realidade sociocultural em que está inserida.

Essa autonomia, que garante a liberdade acadêmica, sustenta-se no princípio da coerência, quer entre a graduação e o sistema educacional, alcançando os níveis infantil, fundamental e médio; quer entre a graduação e setores da realidade socioeconômica correlata aos cursos desenvolvidos na Faculdade Alencarina de Sobral – FAL, desta forma assegurando referenciais teóricos que possibilitem o direcionamento de ações em múltiplas direções, instrumentalizando os profissionais para atuarem de forma adequada e crítica frente à diversidade e dinâmica das situações inerentes ao exercício da profissão.

Uma perspectiva que alcance além da estrita profissionalização, a aquisição de competências que assegurem o domínio de métodos de investigação; a utilização de múltiplos códigos e linguagens; uma qualificação intelectual suficientemente sólida e ampla que insere uma formação continuada capaz de responder as exigências e mudanças na área profissional e ainda, a formação de condutas éticas que respeite as relações interpessoais.

Neste enfoque a Faculdade Alencarina de Sobral – FAL pretende consolidar-se enquanto espaço de construção e produção do conhecimento, num constante aprender a aprender, no qual as experiências de aprendizagem vinculam-se à educação básica em várias competências, desde a formação de professores, até a interferência nas instituições de ensino e ou de educação de modo mais amplo, e às áreas econômicas e empresariais, e demais áreas conforme proposta do seu PDI.

Articular o relacionamento entre a graduação e as áreas educacional e socioeconômica implica em sistematizar o ensino integrando-o a ações de pesquisa e extensão. Por meio da pesquisa o conhecimento se redefine e proporciona segurança à formação acadêmica, permitindo estender-se à comunidade. Através da extensão a formação profissional se dá contextualizada, abordando questões pertinentes à sociedade.

A indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensão exige da Faculdade Alencarina de Sobral – FAL uma prática de diálogo interdisciplinar em torno de questões e investigações que respondam as reais necessidades da sociedade e uma organização curricular que integre o conhecimento científico às práticas e fatos sociais.

Desta forma, para a Faculdade Alencarina de Sobral – FAL cumprir o seu compromisso social adotará um processo de avaliação constante, em torno de indicadores relevantes quanto ao desempenho e aos fins a que a Instituição se propõe. Uma avaliação institucional que expresse mais que dados quantitativos e possibilite a análise das ações empreendidas pela Faculdade, no confronto dos padrões e metas estabelecidos, de modo a ensejar a definição de novas propostas que dinamizem a qualidade da formação e da ação implementada pela Faculdade Alencarina de Sobral – FAL.

Corpo Dirigente

Mantenedor
Oscar Rodrigues Junior

Direção Geral
Hamilton Vale Leitão

Procurador Institucional
Marisa Pascarelli Agrello

Direção Administrativa
Ingrid Soraya de Oliveira Sá

Direção Acadêmica
Graça Maria de Morais Aguiar e Silva

Assessoria Jurídica
Yasmina Melo Siqueira

Coordenação de Estágios
Lourdes Claudênia Aguiar Vasconcelos

Coordenação de Pesquisa, Extensão e Responsabilidade Social
Regina Maria Aguiar Alves

Coordenação de Inovação Pedagógica
João José Saraiva da Fonseca

Coordenação de Pós-Graduação
Eliza Angélica Rodrigues Ponte

Ouvidoria
Jucelaine Zamboni

Comissão Própria de Avaliação
Roberto Alves Gomes

Coordenação da Biblioteca
Germano Gil Furtado Moreira

Secretária Geral
Luciana Rodrigues de Carvalho

Programa de Apoio ao Estudante e ao Discente
Harley Gomes de Sousa

Coordenação do Núcleo de Tecnologia da Informação
Oscar Rodrigues Neto

Coordenação de Comunicação
Laura Pereira Farias

Coordenação de Laboratórios
Mariene Ferreira Rodrigues

Mantenedora

Associação Igreja Adventista Missionária
CNPJ: 03.365.403/0001-22
Travessa Roma, N.º 85, Dom Expedito, Sobral – Ceará. CEP 62050-130