Entre os dias 1º a 6 de dezembro, o docente da Faculdade Alencarina de Sobral (FAL), Me. Francisco Ricardo Miranda Pinto, participou do XXXII Congreso Internacional de la Asociación Latinoamericana de Sociología (XXXII Congresso Internacional da Associação Latino-Americana de Sociologia). O evento aconteceu na Universidad Nacional Mayor de San Marcos (Universidade Nacional Maior de São Marcos), em Lima, no Peru.

Com o tema “Hacia un nuevo horizonte de sentido histórico de una civilización de vida” (“Para um novo horizonte de sentido histórico de uma civilização de vida”), o momento reuniu pesquisadores de diversos países do mundo como Brasil, Chile, Colômbia, Venezuela, Uruguai, Paraguai, Panamá, México, Argentina dentre outros.

O Prof. Me. Ricardo Pinto produziu 2 trabalhos para apresentação, com orientação do Prof. Dr. Carlos Bruno, o primeiro deles, nomeado “AS LIMITAÇÕES DE LOCOMOÇÃO EXPERIMENTADAS POR HOMENS OBESOS MÓRBIDOS NO USO DO TRANSPORTE”, que trata das dificuldades de uso do transporte público de Fortaleza por homens obesos mórbidos e o segundo trabalho, intitulado “ENTRE ESPAÇOS E ESCRITAS: A PRODUÇÃO STRICTO SENSU DO BRASIL SOBRE TRANSEXUALIDADE”, aborda a produção acadêmico-científica brasileira sobre transexualidade. Destaque-se ainda que o Prof. Me. Ricardo Pinto coordenou no dia 2 de dezembro, o Grupo de Trabalho (GT) 18: Salud, Seguridad Social y Discapacidades, com apresentadores do México, do Uruguai, do Chile e Brasil.

“Participar do evento é, antes de tudo, poder se alinhar com o que as academias internacionais vêm produzindo e trazer a experiência de pesquisa do Brasil para dialogar, comparar e refletir com outras culturas e realidades. Ressalto ainda que não há como não sair de um evento destes com o senso crítico modificado e reflexivo quanto aos nossos caminhos percorridos. Já estamos nos organizando para os eventos de 2020 e com isso levar novos conhecimentos a Faculdade Alencarina de Sobral”, comentou o professor.